pub-4556602817206729
 
  • Revista Alagoana

Carta aos nossos leitores




Caros leitores, hoje, 20 de fevereiro de 2021, nossa Revista completa um ano em atividade. Viemos através desse contato, compartilhar com vocês um pouco de como tem sido essa trajetória que nos trouxe até aqui, apesar de tantas incertezas.




Fevereiro de 2020. Mas, meses antes daquela data, cinco estudantes de jornalismo, à época, já estavam reunidos para criar um protótipo de revista impressa que contemplasse as variadas nuances artístico-culturais de Alagoas, como requisito de pontuação para a matéria de Jornalismo Especializado IV. Alguns meses se passaram após aquele feito, até a chegada da disciplina Laboratório de Jornalismo Digital, onde tivemos a ideia de adaptar o mesmo projeto que, outrora, era para o impresso, passa a ser construída para explorar o meio digital. Assim, nasce a Revista Alagoana, que vocês conhecem.


Carinhosamente e tecnicamente pensada para dar vozes aos mais variados talentos culturais, num estado com o maior número de folguedos populares do Brasil, durante esse um ano de existência estivemos firmes no nosso compromisso. Mas, com poucos meses de existência, esbarramos em um obstáculo do tamanho do mundo, literalmente: a pandemia do coronavírus.


Durante esse período de crise sanitária precisamos nos reinventar. Ao longo de vários meses de confinamento de toda equipe da Revista Alagoana, sabíamos que, mais que nunca, a sociedade alagoana, especialmente produtores e fazedores culturais, precisavam de apoios para superar tais momentos nebulosos de dificuldades. E desde março de 2020, mesmo em meio ao bombardeio de informações, receios e duvidas, quando quarentenas começaram a fazer parte de nossas rotinas, nós fizemos investimentos para melhor servir a demanda cultural do nosso estado de Alagoas, tais como: o domínio do site para uma melhor usabilidade e disponibilidade de conteúdos para nossos leitores e a abertura de espaço para colunistas, assim, ampliamos vozes e posicionamentos acerca de assuntos de interesse público, para além dos culturais.




Produzimos alguns quadros através do IGTV, onde os artistas locais puderam compartilhar suas adaptações para trabalhar, produzir e levar adiante a arte nesse momento às cegas, para conseguirmos nos conectar em meio ao isolamento. Fizemos perfis e entrevistas via chamada de vídeo, e, dessa forma, fomos abrindo nosso caminho em meio as incertezas.

Ao longo de um ano, crescemos exponencialmente, como mostram nossos relatórios e métricas, conseguimos entender cada vez melhor quem é o nosso público, para nos conectarmos de maneira mais assertiva com vocês, nossos leitores e expectadores.


Mas, acima de tudo, além de qualquer métrica, estão as pontes que conseguimos construir com nosso público e a relação de confiança que se estabelece e firma-se cada vez mais. Nós, da equipe da Revista Alagoana, estamos em constante processo de aprendizado e aprimoramento para trazer conteúdos cada vez melhores, sempre explorando e testando novos métodos.


Há um longo caminho a ser trilhado, a cena cultural alagoana ganha mais força e mais espaço a cada dia, por isso, seguiremos juntos da melhor maneira que conhecemos: descobrindo e contando histórias.




Carinhosamente,

Equipe Revista Alagoana.

27 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
 
pub-4556602817206729