pub-4556602817206729
 
  • Revista Alagoana

Conheça as propostas para a cultura de candidatos às prefeituras em 10 municípios alagoanos



Texto de Revista Alagoana


Faltando um mês para as eleições municipais 2020 em todo o País, a Revista Alagoana traz as propostas para a cultura de candidatos para o Poder Executivo Municipal em 10 cidades de maior destaque artístico-cultural de Alagoas. O nosso principal objetivo é informar você, eleitor e eleitora, sobre as principais metas de governo para o setor cultural de seu candidato(a).

Os dados foram obtidos através da transparência do Tribunal Superior Eleitoral, por meio da plataforma DIVULGACAND. A nossa equipe consultou essas informações disponibilizadas pelo TSE, entre os dias 10 a 13 de outubro de 2020.


Confira abaixo, por ordem alfabética de cidades, as candidatas, os candidatos e suas propostas para a cultura do município. Separamos três propostas de cada um, mas você consegue acessar o Programa de Governo na integra clicando no nome do candidato.







Capela


Adelminho (MDB) –

  • Construção da Casa de Artes no Espaço do antigo “Cinema”;

  • Manter as festas tradicionais e culturais da cidade;

  • Promover ações culturais periódicas no Centro Cultural Lêda Valéria, com exposições fotográficas, artísticas, danças típicas e demais festejos culturais;

- Ocupação: Pecuarista.


Eustaquinho Moreira (PODE) –

  • Reativar o carnaval de praça e todas as festividades de tradição como: cavalhadas, festa de São Sebastião, Dia do Trabalhador, festas juninas nos bairros, Festa da Independência em Santa Efigênia, Emancipação e Réveillon;

  • Buscar meios para reativação dos tradicionais clubes municipais de Capela, como o Clube Capelenses e Paladinos;

  • Ampliar e aprimorar os serviços de exposições do centro cultural, incluindo apresentações de artistas da terra de 15 em 15 dias para movimentar o comércio.

Ocupação: Advogado e é ficha limpa.


Pastor Antonio Ferreira (PTC) – O plano de governo do candidato não está disponível na plataforma DivulgaCand.


- Ocupação: Sacerdote religioso e é ficha limpa.


Delmiro Gouveia


Gabriel Varjão (PTB) –

  • Aprovar a lei municipal de incentivo à cultura, junto com os delmirenses, num processo democrático e participativo;

  • Criar um sistema de informação cultural integrado e dinâmico que contemple o fazer cultural - quem faz, como faz e quando faz -, a produção cultural, espaços culturais, eventos, economia cultural, etc. Este "mapa da cultura" vai facilitar o aperfeiçoamento das parcerias, das políticas e da gestão pública;

  • Construir com os delmirenses um Plano Municipal de Cultura visando garantir o desenvolvimento cultural consistente e continuado, sendo este aprimorado em conferências municipais de cultura agendadas previamente no Plano;

- Ocupação: Advogado e é ficha limpa.


Padre Eraldo (PSD) –

  • Construir o Centro de Cultura e Tradições Populares;

  • Criar, em parceria com a Chesf, o centro cultural e de pesquisa ribeirinha, no Distrito de Barragem Leste;

  • Criar dois Núcleos de Atendimento ao Turista (NATS);

- Ocupação: Tenta reeleição e é ficha limpa.


Renato Torres (PSB) –

  • Implantação do programa Turismo 2040, para fomentar o desenvolvimento de Delmiro Gouveia como um polo turístico importante na região e no país, com a modernização da legislação atual, atração de novas empresas e participação em feiras de divulgação nacionais e internacionais.

Ocupação: Advogado e é ficha limpa.


Sávio da Galeria (PSDB) –

  • Criação do Plano de divulgação internacional da rota turística do São Francisco em parceria com municípios vizinhos;

  • Calendário anual de eventos: De janeiro a Janeiro pontuar todas as festividades e eventos da cidade em todos os âmbitos, cultural, acadêmico, religioso, etc. Criar festividades ou eventos âncora em cada mês;

  • Implementar captação de recursos para a cultura via lei Rouanet;

- Ocupação: Empresário e é ficha limpa.


Ziane Costa (MDB) –

  • Realizar estudo técnico que viabilize o tombamento da escola Estadual Delmiro Gouveia, transformando-a em Monumento Histórico Cultural de Delmiro Gouveia em parceria com o governo estadual;

  • Implementar o Plano Municipal de Cultura, baseado na realidade local, estadual e nacional. Firmando parcerias com os órgãos estadual e federal;

  • Criar a escola de Música para desenvolver ações de valorização que beneficiem projetos de música;

- Ocupação: Administradora e é ficha limpa.


Maceió


Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB) -

  • Criar incentivos para apoiar espaços culturais independentes que realizam atividades culturais voltadas às linguagens circenses, teatrais e de dança, música, artes plásticas, cultura popular e outras iniciativas artísticas;

  • Realizar e apoiar feiras literárias e mostras culturais, valorizando e promovendo os artistas locais em suas diferentes expressões;

  • Desenvolver roteiros culturais de turismo criativo, por meio de experiências inovadoras de práticas culturais locais que gerem desenvolvimento e empreendedorismo, oferecendo um novo produto à cadeia produtiva do turismo;

- Ocupação: Advogado.


Cícero Almeida (DC) –

  • A retomada dos principais eventos culturais, entre eles: São João de Maceió, Baile Municipal, reconhecimento aos artistas da terra e o fim da burocracia para que eles aqui se apresentem e possam sobreviver com dignidade.

- Ocupação: Locutor e comentarista.


Cícero Filho (PCdoB) -

  • Estímulo a realização de eventos, espetáculos e economia criativa, por meio de política de editais e fomento à cultura e aos artistas locais.

- Ocupação: Servidor público estadual e é ficha limpa.


Corintho Campelo (PMN) - Não foram apresentadas propostas concretas para a cultura na capital.


- Ocupação: Aposentado e é ficha limpa.


Davi Davino Filho (PP) -

  • Transformar a Fundação Cultural de Maceió em Secretaria de Cultura e Economia Criativa;

  • Estimulara a cultura local através de editais para fomento de produção artística e cultutal no município;

  • Incentivar visita aos museus e espaços culturais pelos estudantes da rede pública e turistas;

- Ocupação: Empresário e é ficha limpa.


JHC (PSB) -

  • Criação da Secretaria Municipal de Cultura e Economia Criativa;

  • Atualizar e aprimorar a Lei Municipal de Incentivo à Cultura

  • Inserir Maceió na Rede Mundial de Cidades Criativas da UNESCO – Cidade Criativa do Artesanato e da Arte Popular;

- Ocupação: Advogado e é ficha limpa.


Josan Leite (Patriota) -

  • Apoiar as associações de bairros na formação de grupos de folguedos, para disseminar as raízes do folclore alagoano, promovendo encontros, gincanas, espetáculos e apresentações dos grupos, durante todo o ano;

  • Desenvolver ações que fomentem a criatividade artística e cultural dos maceioenses, realizando mostras e eventos que destaquem suas potencialidades;

  • Estabelecer um espaço permanente no bairro de Jaraguá, aproveitando o patrimônio histórico daquela região para realização de feiras literárias, exposições de arte em todas suas expressões, apresentação de folguedos e mostras de artesanatos, com oficinas, durante todo ano;

- Ocupação: Engenheiro e é ficha limpa.


Lenilda Luna (UP) -

  • Implantar Centros Educativos de Arte Comunitária e realizar anualmente o Festival da Cultura Popular;

  • Garantir a publicação períodica e regular de editais de incentivo à produção de cinema, música, dança, literatura, artes plásticas, artes cênicas, cultura popular, entre outras manifestações culturais na cidade;

  • Aprimorar a organização das festas populares (Carnaval, São João, Semana da Criança, Natal, Réveillon, etc.), realizando-as não apenas nos espaços centrais da cidade, mas também nos bairros periféricos;

- Ocupação: Jornalista e é ficha limpa.


Ricardo Barbosa (PT) -

  • Adotar políticas à Economia Criativa de maneira a gerar altos benefícios sociais e econômicos para a cidade, distribuindo renda, trabalho e oportunidades para os que fazem arte e cultura.

  • Apoiar a profissionalização de artistas e realizadores da cultura em vários níveis de inserção nos mercados de bens culturais.

- Ocupação: Advogado e é ficha limpa.


Valéria Correia (PSOL) Não consta proposta de governo no site do TSE/DivulgaCand.


- Ocupação: Servidora pública federal e ficha limpa.


Marechal Deodoro


Cacau (MDB) –

  • Criar o Museu da Cidade (música, arqueologia, pesca, gastronomia, artesanato) e o Centro-Escola de Restauro;

  • Renovar os instrumentos musicais das filarmônicas;

  • Revitalizar o Centro Histórico;

- Ocupação: Empresário, tenta reeleição e é ficha limpa.


Júnior Dâmaso (PTB)

  • Construção de um Conservatório de Música na Rua Marechal Deodoro;

  • Estabilização da Igreja N. Senhora do Amparo e posterior, projeto de restauração com proposta de uma Biblioteca Sacra – Dar continuidade às obras;

  • Estudos aprofundados dos Sítios de Sambaquis encontrados nas regiões da Ilha de Santa Rita e Praia do Francês;

- Ocupação: Empresário.


Pão de Açúcar


Ana de Bacuca (PSOL) – Não constam propostas concretas para a cultura.


- Ocupação: Também não consta atual ocupação e é ficha limpa.


Cliuton Santos (CIDADANIA) - Não constam propostas concretas para a cultura.


- Ocupação: Servidor Público Estadual e é ficha limpa.


Cristiano Matheus (MDB) –

  • Realizar, anualmente, a Feira Literária de Pão de Açúcar com a participação de nomes consagrados da literatura e artistas nacionais;

  • Transformar a antiga Cadeia Pública no Museu do Sertão, criando um novo polo turístico;

  • Reurbanizar a Ilha do Ferro, fomentando meios de divulgação internacional, aumentando a geração de emprego e renda.

- Ocupação: Advogado.


Jorge Dantas (PSDB) –

  • Criar o calendário cultural de Pão de Açúcar;

  • Mapear os mestres e fazedores de cultura do município;

  • Criar a Escola de Artes e Formação Cultural de Pão de Açúcar;

- Ocupação: Professor de Ensino Superior e é ficha limpa.


Penedo DR Tico (Republicanos) -

  • Cadastramento do Patrimônio Humano Cultural - A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo promoverá o cadastro de todos os artesãos, artistas, músicos, cantores, escultores, integrantes de grupos folclóricos, batucadas, capoeira, quadrilhas, bandas de pífanos, grupos de forró, chegança, reisado, coco de roda, guerreiro, entre outros, visando incentivar a manutenção das tradições e sua inclusão como atração turística permanente do Município de Penedo.

  • Fortalecer as ações para as atividades do Teatro Sete de Setembro e do Coral Vozes de Penedo A Escola de Teatro e Cultura e o coral Vozes de Penedo realizarão apresentações periódicas promovendo apresentações ao público com atividades e atrações culturais diversificadas de forma a oferecer ao publico local e aos turistas, entretenimento permanente. A Prefeitura oportunizará apresentações culturais itinerantes nos bairros, de forma descentralizada nos bairros, intensificando os programas realizados pela Secretaria Municipal de Cultura.

  • Incentivar o turismo ecológico e rural desenvolvendo ainda mais o turismo ecológico e rural, com base nos empreendimentos familiares na APA da Marituba. [...] serão implantadas novas ações de incentivo para a abertura de locais voltados a gastronomia, artesanato, exploração da orla em especial da área da Prainha do Rio São Francisco e demais atividades geradoras de renda.

- Ocupação: Servidor público municipal e é ficha limpa.


Ivana Toledo (PP) -

  • Preservar fachadas e estimular o uso de imóveis com características arquitetônicas e históricas por meio de incentivos urbanísticos e tributários;

  • Desenvolver plataforma colaborativa de mapeamento de ações culturais na cidade;

  • Incentivar, fomentar e apoiar manifestações culturais de bairros e povoados, perpetuando as práticas culturais históricas;

- Ocupação: Empresária e é ficha limpa.


Júnior (Cidadania) -

  • Fomentar a construção de um shopping center;

  • Realizar eventos musicais para fomentar os talentos da terra;

  • Criar o projeto “Nosso Livro” para incentivar as crianças na leitura de livros na biblioteca municipal;

- Ocupação: Não definida e é ficha limpa.


Nelsinho (PSDB) -

  • Recuperar espaços para a prática de música e lá implantar um trabalho que desperte os talentos das crianças e jovens;

  • A formalização de um calendário de eventos;

  • O resgate do palhoção municipal surge como uma forma de resgatar um espaço há muito tempo utilizado no período junino, onde as festividades da cidade aconteciam por muito tempo lá, onde as famílias podiam se reunir e se divertir;

- Ocupação: Não definida e é ficha limpa.


Ronaldo Lopes (MDB) -

  • Fortalecer o Conselho Municipal da Cultura;

  • Fomentar a cultura na zona rural com a ampliação da Caravana da Cultura;

  • Ampliar as agendas do Calendário de Eventos Culturais e Tradicionais;

- Ocupação: Engenheiro e é ficha limpa.


Piranhas


Edson Avante Teles (AVANTE)

  • Criação do centro de tradição cultural e do programa municipal de valorização dos artistas da terra;

  • Criação do festival da agricultura para promoção dos agricultores e da cultura rural.

- Ocupação: Empresário e é ficha limpa.


Maristela (PP) –

  • Criação de um setor que trate exclusivamente da temática histórico patrimonial em nível municipal com atribuições específicas;

  • Criação da semana de cultura, literária e de cinema e teatro de Piranhas;

  • Criar os polos de cultura nas escolas e povoados do município;

- Ocupação: Tenta a reeleição e é ficha limpa.


Tiago Freitas (MDB) –

  • Criar um calendário anual de atividades culturais, a orquestra sinfônica municipal, a Companhia Municipal de Dança; a Companhia Municipal de Teatro; o Pavilhão do Forró, que será um galpão equipado, que ofereça todas as condições para que as quadrilhas ensaiem e possam confeccionar suas roupas;

  • Estabelecer no orçamento anual do município um valor que seja capaz de atender as demandas dos agentes culturais do município;

  • Contratar artistas da terra para apresentações rotineiras nos destinos turísticos municipais;

- Ocupação: Empresário e é ficha limpa.


Porto Calvo


Antonio Carlos (PMN)

  • Criação do Museu de Porto Calvo- Reivindicação das peças históricas referentes à passagem e legado de Calabar pelas terras de Porto Calvo;

  • Construção e aparelhamento da Biblioteca Pública;

  • Criação de um Centro Cultural de Eventos, do Festival de Talentos de Porto Calvo, do Festival Calabar e do programa Porto Calvo Tem História – ele concerne na recuperação do patrimônio histórico da cidade com o apoio do Instituto de Preservação do Patrimônio Histórico e Natural (Iphan);

- Ocupação: Empresário e é ficha limpa.


David Pedrosa (MDB) –

  • Construir o Pátio de Eventos na antiga AABB;

  • Instituir no município uma data comemorativa criando o PORTOFEST festival de Porto Calvo comemorado anualmente.

- Ocupação: Empresário, tenta a reeleição e é ficha limpa.


Jefferson Rodrigues (PTB) –

  • Criação de um centro cultural dotado de galeria de artes e espaço para apresentações artísticas-culturais e exposições;

  • Criação do conselho de cultura para o município;

  • Estabelecer um calendário de eventos para o município, distritos e povoados das zonas urbana e rural;

- Ocupação: Biomédico e é ficha limpa.


Kaika (PSD) - Renunciou a candidatura de prefeito.


Karla do Kaika (PSD) –

  • Construção do Pátio de eventos;

  • Ampliar e Implantar projetos e programas: Bibliotecas Interativas, Laboratórios de Informática, Ateliê de Artes;

  • Recriar a Casa da Cultura de Porto Calvo.

- Ocupação: Empresária e é ficha limpa.


União dos Palmares


Caju (PSDB) –

  • Criação de uma agenda cultural municipal;

  • Construção do museu da Cultura Palmarina;

  • Fortalecer e apoiar a cultura da cerâmica artesanal do Muquém;

- Ocupação: Pecuarista e é ficha limpa.


Kil (MDB) – Não foi encontrado nenhum plano de governo no site do TSE.


- Ocupação: Tenta a reeleição.


Paulo Newton (AVANTE) -

  • Criação do festival da agricultura para promoção dos agricultores e da cultura rural;

  • Criação do centro de tradição cultural e do programa municipal de valorização dos artistas da terra.

- Ocupação: Agrônomo e é ficha limpa.


Profª Silvany (PRTB) – Não foi constatado nenhum plano de governo da candidata no site do TSE.


- Ocupação: Professora de Ensino Fundamental e é ficha limpa.


Sebastião de Jesus (CIDADANIA) –

  • Criação do FESTUR – Festival do Turismo, na semana anterior à Semana da Consciência Negra;

  • Criação da FLIP – Feira Literária Palmarina, instituída na semana em comemoração ao Poeta Jorge de Lima;

  • Implantar o CEAP – Centro Artístico Palmarino, plataforma de valorização aos artistas palmarinos;

- Ocupação: Empresário e é ficha limpa.


Sérgio (PT) –

  • Criar estátuas (em tamanho real) de figuras culturais e folclóricas da cidade (ex.: Jorge de Lima, Povina Cavalcante, Maria Mariá, Caboclinho do Norte, Dragão, Gonzaga Leão...) para que turistas e moradores possam visualizar como eram; Abrir os museus aos finais de semana;

  • Ter guia permanente na serra da Barriga e Muquém;

  • Levar sessões de cinema nos bairros, sítios, distritos e comunidades;

- Ocupação: Agente administrativo e é ficha limpa.


Tita (PDT) –

  • Valorizar o Orçamento da Secretaria Municipal de Cultura;

  • Elaborar o Calendário Anual de Eventos Municipais;

  • Implantar o Calendário Cultural Oficial de União dos Palmares.

- Ocupação: Vereador do município e é ficha limpa.


Zé Alfredo (PTB) –

  • Construção do acesso à comunidade quilombola Muquem;

  • Construção do centro de convenção, atendendo assim, encontros, voltados a grandes eventos, objetivando desenvolver União dos Palmares;

  • Criação de um parque temático, retratando a história cultural étnico religiosa, da serra da barriga, sobretudo, a criação de um novo museu retratando a nossa historia econômica e social dos nosso filhos ilustres, como: Zumbi, Dandara, Ganga Zumba, Jorge de Lima, Maria Mariá, Povina Cavalcante, Dílson Moreira, entre tantos eternos nomes da nossa historia;

- Ocupação: Empresário e é ficha limpa.


Viçosa


Davi Brandão (MDB)

  • Criação da Casa do Turista, com o objetivo de receber os turistas e elevar o nome de Viçosa na rota do turismo em Alagoas;

  • Criação de um espaço de tradições culturais, voltado para programas de valorização dos artistas da terra;

  • Estruturação de um acervo para criação de um museu de história sobre a cultura e a arte do município; Criação do Programa de Apoio e Incentivo aos Fazedores de Cultura, tais como: artistas, grupos e instituições culturais; Construção de um referencial turístico na Serra dos Dois Irmãos, em homenagem a Zumbi dos Palmares;

- Ocupação: Tenta a reeleição e é ficha limpa.


Flaubert Filho (PTB) –

  • Criar a Lei Municipal de Incentivo à Cultura;

  • Criação de uma comissão para realizar levantamento arquitetônico dos prédios históricos do município, visando o tombamento deles em parceria com o Iphan.

- Ocupação: Pecuarista.


João Victor (REPUBLICANOS) –

  • Criar o programa Domingo na Praça, onde ocorrerão apresentações artísticas e musicais na cidade, nos povoados e em espaços alternativos;

  • Criar o programa Talento Viçosense, incentivando o artista local e gerando lazer e ocupação dos espaços públicos através do fomento a cultura;

  • Criar o Fundo Municipal de Cultura, visando municipalizar as ações culturais de artistas e produtores locais;

- Ocupação: Pecuarista e é ficha limpa.



INFOGRÁFICOS

*Ressaltamos que, os dados foram obtidos através da transparência do Tribunal Superior Eleitoral, por meio da plataforma DIVULGACAND. A nossa equipe consultou essas informações disponibilizadas pelo TSE, entre os dias 10 a 13 de outubro de 2020.



49 visualizações0 comentário
 
pub-4556602817206729