pub-4556602817206729
top of page
  • Revista Alagoana

Festival Carambola: Margareth Menezes faz show em Maceió no dia 18 de Março

A participação especial de Josyara e da alagoana Andréa Laís também estão confirmadas e o primeiro lote dos ingressos já está aberto


Texto de Assessoria de Imprensa :: Festival Carambola


O Festival Carambola 2023, que acontecerá no dias 17 e 18 de Março no Summer Club Jacarecica, em Maceió, anuncia suas primeiras atrações: a cantora e compositora Margareth Menezes, que terá como convidada especial a artista Josyara - ambas da Bahia - e a alagoana Andréa Laís.


Os ingressos do primeiro lote para a programação de sábado (18 de Março) já estão disponíveis aqui, a partir de R$ 80,00. O Festival Carambola 2023 é apresentado pela cervejaria Devassa e tem patrocínio do FYS. A programação de sexta-feira (17) será gratuita, com correalização da Prefeitura de Maceió, através da Fundação Municipal de Ação Cultural de Maceió (FMAC) - mais informações sobre este dia serão comunicadas nas próximas semanas.

Margareth Menezes, a primeira atração confirmada para a sétima edição do Festival Carambola, é uma cantora e compositora baiana, além de atual Ministra da Cultura do Brasil. Ela ficou conhecida nacionalmente ao interpretar o primeiro samba-reggae brasileiro, o clássico dos carnavais “Faraó - Divindade do Egito”. Margareth é uma das maiores referências dentro da música afro-brasileira, em especial do afropop e samba-reggae e possui uma discografia extraordinária, com canções que revelam seu olhar voltado à diáspora negra.

Alguns dos álbuns de sua carreira são: “Elegibô”, “Kindala”, “Afropopbrasileiro”, “Tete a Tete” e o mais recente “Autêntica”. Conquistou diversos prêmios no caminho de sua trajetória musical, entre eles dois troféus Caymmi, quatro troféus Dodô e Osmar, além de quatro indicações ao Grammy Latino e Grammy Awards.

O show de Margareth contará com a participação de Josyara, multi-instrumentista e cantora, também baiana, de Juazeiro. Josyara tem voz intensa e uma de suas marcas é o violão bem percussivo. Ela é um dos grandes nomes da música brasileira contemporânea. A cantora tem como álbum de estreia “Mansa Fúria”, que revela bastante sensibilidade e sua regionalidade, explorando seus percursos entre o sertão e a metrópole baiana, tudo isso misturado a elementos eletrônicos.

Em seu álbum mais recente “AdeusdarÁ”, que conta com a participação de Margareth Menezes em uma das faixas, há uma Josyara mais confiante e madura. O trabalho traz letras compostas por Josyara durante o isolamento social da covid 19 e por isso traduz musicalmente sentimentos relacionados às dores, ao pesar, mas também mirando a esperança pelo porvir. Desse encontro imperdível, entre Margareth Menezes e Josyara, pode-se esperar um show enérgico e emocionante.

Andréa Laís é uma jovem artista alagoana que carrega na voz a forte presença da MPB e da sua ancestralidade nordestina (é nascida no Recife e tem família na Bahia). Socióloga por formação e artista por paixão, a cantora tem 13 anos de carreira marcada por premiações em festivais de música em Alagoas e parcerias com artistas consagrados do estado. A mais recente foi o primeiro lugar no Festival Em Cantos da Secult em 2022, defendendo a música “Meu cantar” de Chico Torres. Após o seu álbum de estreia, “Solar" (2017), Andréa lançou o disco "Presença" no final do ano passado em formato audiovisual.

Sobre as expectativas para esse momento, Lili Buarque, sócia-diretora do Festival Carambola, declara: “A ansiedade de revelar que teremos a atual Ministra da Cultura do Brasil como headliner no sábado foi enorme. Estamos muito felizes com a presença de Margareth, com toda sua potência de voz e de presença, ainda mais tendo Josyara como convidada, uma das artistas mais talentosas da nova geração da música brasileira. A Andréa é uma artista local que a gente vem acompanhando com muito entusiasmo, ser o palco de lançamento do trabalho mais recente dela é uma alegria pro Carambola! Vai ser um encontro fervoroso, com certeza”.

Sobre o Festival Carambola O Festival Carambola surgiu em 2017 com o objetivo de valorizar a arte alagoana em suas mais diversas vertentes, com o foco principal na música. Do evento que começou dentro de uma pequena casa de shows em Maceió, atualmente o festival já ocupa parte da área externa de um shopping center na capital alagoana, contabilizando, até 2022, seis edições realizadas. Sua sétima edição acontecerá nos dias 17 e 18 de março de 2023, no Summer Club Jacarecica, em Maceió (AL). Liderado por duas mulheres - a produtora cultural e musicista Lili Buarque e a artista plástica e diretora de arte Didi Magalhães -, o Carambola visa ressaltar a cultura popular alagoana e colocar Maceió de vez no mapa da música independente brasileira da atualidade.

12 visualizações0 comentário
bottom of page
pub-4556602817206729